O que é importante saber para montar uma equipe de qualidade?

Diversas vezes pensamos que uma boa ideia é o fator mais importante na concepção de um projeto ou na criação de um negócio. Porém, muitas vezes, esquecemos o valor de uma equipe de qualidade é mais do que isso, não prestamos atenção, como um time em sincronia pode entregar melhores resultados para um cliente ou sociedade.

Nesse sentido, pensando em como auxiliar sua estratégia para criar melhores equipes, nós da acelerabit decidimos fazer um guia com alguns passos do que você deve ter em mente quando for montar um time que realmente faz a diferença.

Passo 1: O conceito de grupo ideal

Parece brincadeira, mas muita gente não sabe definir o que é um grupo ideal. Você já parou para pensar nisso?

Muitas vezes a melhor equipe é aquela onde os funcionários são tradicionais e alguns deles são especialistas, como em uma área hospitalar, por exemplo. Já em outros tipos de projeto, o melhor mesmo é ter uma equipe onde todos sejam generalistas, ou seja, todo mundo sabe um pouco de cada coisa e assim, dar suporte para a criação do produto final fica mais fácil, já que cada um pode contribuir com o andamento do projeto caso o responsável sofrer um imprevisto; em outro caso, como aqui na acelerabit: uma equipe multidisciplinar que cria sinergia, através de treinamentos e mentorias focadas e reuniões criativas, aprendemos a conversar e encontrar soluções de forma colaborativa com várias cabeças pensantes.

Há vantagens e desvantagens em cada modelo de equipe, e seja lá qual for seu projeto ou ideia é interessante pensar em um grupo macro primeiro, ou seja, em um número de pessoas que seriam necessárias para todo o projeto, a longo prazo. E em seguida de uma forma enxuta, em áreas cruciais para executar seu projeto.

Para isso é importante definir o que é um grupo ideal para você. Por isso, escreva em um papel áreas todas as pessoas e áreas que seu projeto deveria ter caso você tivesse muitos recursos disponíveis.

  • O marketing
  • Desenvolvimento
  • Estratégia
  • Design
  • Financeiro
  • Logística
  • Sócio
  • CEO ou líder do projeto
  • Produção visual
  • Programador

Passo 2: A equipe enxuta

Depois de pensar na etapa 1 (obrigatória), você deve imaginar em como montar uma equipe enxuta.

Mas você deve está se perguntando o que é uma equipe enxuta?

É grupo de pessoas essenciais para fazer o seu projeto acontecer, que tenham tempo para se dedicar a ideia, que queiram se aventurar em algo novo, que possuam disponibilidade para melhorar com os erros e queiram apostar em um projeto como experiência de vida, mesmo se o seu projeto não tiver patrocínio, investidor anjo ou até mesmo, a curto prazo, custo para manter mão de obra qualificada.

Mas claro, é essencial que você ofereça algum tipo de ganho para quem vai chegar na equipe, pois afinal, se não houver ganhos financeiros dificilmente alguém vai continuar no projeto e se continuar provavelmente vai se desmotivar do projeto.

Estabelecer tudo isso não é fácil. As perspectivas do projeto devem ser escritas com clareza, bem como será risco estimado, o mercado potencial e quem são as possíveis parcerias que o projeto pode captar para arrecadar recurso.

Vale a pena ressaltar que estrategicamente, pensar em pessoas que já estão na equipe ou que poderão entrar na equipe como sócios, pode ser uma boa opção para estimular pessoas a colaborarem ainda mais com a ideia e é muito importante deixa isso escrito legalmente em um acordo.

Um ponto de vista que vale ressaltar é que: muitas vezes, empresas de tecnologia precisam mais de criadores visuais do que se imagina. O vice-versa também é verdade, quando projetos que possuem muita arte envolvida precisam de conhecimento tecnológico para atingir mercados ou conseguir apoio financeiro e até conseguir clientes.

Na maioria dos casos também é necessário ter um gestor de processos, além do CEO ou do idealizador, para que os projetos virem realidade de um modo não só mais fácil ou com mais agilidade, mas para agregar valor.

Aqui na acelerabit, temos Wedson Dias como Diretor de Projetos, Produtos e Serviços Inovadores, que tem dicas complementares em um Microcast sobre “Como fazer a gestão de um projeto de T.I”.

Passo 3: Ache gente boa em uma semana

Apesar de possível, essa parte não é tão simples. Se você mora em cidade pequena ou se conhece pouca gente, listamos algumas opções para você conseguir achar uma equipe que se encaixe com seu perfil:

  1. Crie o portfólio do seu projeto, online. Você deve criar uma apresentação interessante, com início meio e fim para o seu projeto e pública-la online, como se fosse um portfólio ou guia. Para isso, criar um esboço a mão com tudo o que vier na cabeça é importante. Tudo mesmo. Se você já tem uma equipe formada, mesmo assim é interessante conhecer o seu projeto profundamente e colocar em um papel, em forma de tópicos, na ordem que surgir na sua cabeça o que seu projeto vai fazer ou se propõe fazer (Você pode usar a ferramenta do Lean Canvas para te ajudar). Após anotar em tópicos, o momento agora é de ordenar esses tópicos, em uma outra folha, para formar o esqueleto de uma possível apresentação. Depois de criar essa ordem, vale a pena fazer uma pesquisa em fontes como o Instituto Brasileiro de Geografia e estatística (IBGE), sobre a população da sua cidade, a lógica de consumo ou como será consumido seu projeto por parte de uma população e qual é o público alvo você vai querer vender esse seu negócio. É importante deixar claro que o público alvo tem que ser específico e criar uma persona, ou seja, identificar gosto e hábitos para esse seu projeto é interessante. Outro ponto essencial é pensar fora da sua cidade. E como a ideia que está sendo trabalhada poderá ser escalável a nível regional e estadual, nacional e internacional. Depois de tudo isso, vale a pena ir no canva.com, site para criar apresentações, criar seu cadastro de forma gratuita e tentar achar uma maneira mais visual para apresentar.
  2. Avalie a importância de designer O canva é um bom start, mas se você já não tem um designer no seu time ou se não achou importante colocar um na fase da “equipe enxuta”, você deve ter em mente que seu projeto precisa ser atrativo a longo prazo. E procurar pelo menos um freelancer, que já tenha alguma experiência, vai te dar mais chances de seu projeto se tornar mais vendável visualmente ou tornar seu projeto mais entendível. É importante não ser “amarrado” aqui, já que você deve ter em mente que a função do design é projetar, seja de forma visual ou não, ideias com significado. E criar significado custa esforços, estudo, dedicação, usabilidade e transpor experiência para seu público-alvo ou clientes em potencial.
  3. Venda sua ideia ou projeto Deixando claro a estrutura para o desenvolvimento do projeto, os riscos, ganhos e mostrando uma aparência interessante, a venda do seu projeto fica mais fácil de modo pessoal ou online. Porém, é importante saber que você deve ter em mente como vai falar e interagir de modo pessoal, consequentemente saber que canais vai utilizar para divulgar essa informação.
  4. Vá para eventos de áreas do seu projeto O boca a boca ainda funciona e funciona muito por sinal, desde que você trace eventos que sejam relevantes. Ir para qualquer evento de empreendedorismo e inovação, provavelmente não vai te ajudar a encontrar pessoas adequadas para seu projeto. Encontrar projetos específicos para buscar pessoas com as habilidade que você procura e que já sejam referência na sua cidade, vai fazer com que você encontre pessoas certas para criar conexões que podem aprimorar sua ideia.
  5. Crie grupos no whatsapp ou telegram com pessoas que você admira e faça uma proposta A ideia aqui é criar um grupo com pessoas que conhecem pouco do seu projeto e mostrar o que você já fez e criar uma primeira seleção de possíveis parceiros de equipe, para desenvolver um banco de potenciais idealizadores. Apresente sua ideia ou projeto em uma apresentação ou live e deixe claro que o projeto só será possível realizado da forma que você pensou na apresentação e que é essencial ser realizado pela sua equipe ou com a sua colaboração.
  6. Promova seu projeto com baixo custo Caso você não seja próximo de uma pessoa realmente popular, a ideia aqui é que você aposte em promover postagens via instagram ou facebook. Ressalto a importância de ter uma parceria com um design para que ele ajude a dar forma ao projeto de forma relevante para os usuários. Promover de forma paga, em geral não sai caro, se você tiver construído uma meta bem definida e se conhecer segmentar bem seu público alvo e conseguir analisar as métricas e respostas da sua campanha. Aqui, vale a pena consultar um especialista em marketing digital, caso você não conheça o básico desse mundo.

Passo 4: O momento de fechar as parcerias

Se você foi para algum evento ou encontrou alguém presencial de forma offline, chegou o momento de estabelecer uma data na sua agenda para fechar parcerias.

Esse momento é de extrema importância que você fixe pelo menos duas semanas para entrar em contato com pessoas que mais se encaixem no perfil traçado da equipe enxuta.

Com isso, vai ficar mais simples escolher um time que chegue perto no que foi pensado na equipe ideal, levando em consideração o investimento disponível, as dificuldades e os ganhos criar a parceria com uma pessoa assim.

Passo 5: Trabalhar com metas pequenas, para resolver problemas

O ideal é que: quando você tiver escolhido seu equipe enxuta, sejam traçadas metas iniciais para a adaptação da equipe com o projeto. Esse tempo de adaptação pode variar de um a três meses.

As metas pequenas influenciam na motivação da equipe e garantem que erros futuros tendam a não ocorrer, já que fica mais fácil no decorrer do tempo, os integrantes do time, saberem o seu limite ou seja quais são as dificuldades e ondem podem chegar com suas habilidades, para que você possa adaptar seu projeto ou buscar auxílio.

Passo 6: Sobre uma página ou perfil, para ir divulgando seus resultados.

Uma página em rede social ou blog pode dar uma maior sensação que o seu projeto está evoluindo e que mais pessoas podem ficar interessados em participar da sua equipe. Além disso, o grau de comprometimento pode aumentar, já que existirá uma certa pressão pelo projeto está andando.

Seguindo esses passos é bem provável que você consiga montar uma equipe de qualidade. Realmente esperamos que você consiga criar um time melhor e desenvolver projetos de alto nível. Coloque em prática e estaremos aqui para te ajudar!

Share on

There are no comments

Deixe uma resposta

Start typing and press Enter to search

Shopping Cart
WhatsApp chat